ESTREIA

PATRIMONIO

DO PATRIMÓNIO CONSTRUÍDO DA FREGUESIA,REALCEMOS DOIS TEMPLOS PAROQUIAIS : A IGREJA DEDICADA A S.JOÃO BAPTISTA ( QUE FOI FILIAL DA DE ARMAMAR APRESENTADA PELO SEU REITOR). É UM BELO TEMPLO QUE TEM A ADORNÁ-LO ELEGANTE CAMPANÁRIO COM DUPLA TORRE SINEIRA. CURIOSA GALILÉ PROTEGE A ENTRADA DA INTROMISSÃO DO VENTO E DA CHUVA. NOTAS DOMINANTES DO INTERIOR: TALHA DOURADA DO ALTAR-MOR DE ESTILO BARROCO, E O SACRÁRIO, TALVEZ A PEÇA MAIS RICA DOS ADORNOS INTERIORES QUE ENCANTAM O VISITANTE DESPREVENIDO. GRACIOSA COROA ( TIPO AGRINALDADA) É SUSTENTADA POR UM PAR DE QUERUBINS, FECHANDO (NO TOPO) O DOSSEL, SOLUÇÃO FELIZ DE REMATE DA TALHA DE ARMAÇÃO RICAMENTE DECORADA. A CAPELA DE S.VICENTE, FORA DO POVO, É POSTERIOR(1786) Á IGREJA, E SITUA-SE JUNTO AO PEQUENO CEMITÉRIO(1780). O INTERIOR DO PEQUENO TEMPLO É DIGNO DE VISITA POR VIA DO SEU ALTAR COM DOIS PARES DE COLUNAS (BARROCAS), ASSENTES EM BASE COMUM, E ABRINDO ESPÉCIE DE TRÍPTICO COM TRÊS MISULAS SIMPLES EM QUE SE APOIAM OUTRA TANTAS IMAGENS , UMA DAS QUAIS DO PATRONO ( EM MADEIRA). QUANTO AO TOPÓNIMO COURA PODERÁ VIR DO GREGO KHÓRA, TRADUZIDO POR POVO,ALDEIA(POVOA). A PALAVRA ABRANGEU, MAIS TARDE, SIGNIFICADO DE ÁREA CULTIVADA Á VOLTA DA ALDEIA. KHÓRA TERÁ PASSADO A COURA E DELA A COURELA(FAIXA COMPRIDA E ESTREITA DE TERRENO CULTIVADO). E CLARO ... UMA REFERENCIA AO LUGAR DA MARINHELA, EXELENTE MIRADOURO SOBRE VASTA ÁREA DO CONCELHO E PARA ALÉM-DOURO